Detalhe

Ministro da Educação participa de abertura do XIV CBESP

05/05/2022 | Por: CBESP | 328

O ministro da Educação, Victor Godoy Veiga, participou nesta quinta-feira (05) da solenidade de abertura do XIV Congresso Brasileiro da Educação Superior Particular (CBESP), o maior evento do segmento da educação superior do país. Ele fez uma retrospectiva das atividades realizadas pelo MEC durante a pandemia e antecipou o anúncio da política nacional de recuperação de aprendizagens. 

“Neste mês de maio vamos anunciar o lançamento de uma política nacional de recuperação das aprendizagens que têm três eixos fundamentais: a recuperação das aprendizagens, o combate à evasão e abandono escolar, o terceiro eixo, a inovação e a tecnologia para a educação brasileira”, informou o ministro. E completou: “são projetos bastante audaciosos e importantes para que possamos preparar os estudantes de hoje para ingressar no ensino superior no futuro”. 

Outros dois temas destacados por Veiga foram a aprovação da Medida Provisória do ProUni, que ampliou o acesso de estudantes de escolas particulares ao programa, e a portaria que permite a oferta de cursos técnicos pelas instituições de ensino superior. “No momento em que temos a implantação do novo ensino médio, são transformações importantes para nossa educação básica”, avaliou. 

Os aspectos regulatórios foram pontuados pelo ministro e também pela secretária de Regulação e Supervisão do Ensino Superior, Diana Azin. “Estamos trabalhando para estimular a inovação e adequando os processos de regulação e supervisão para acompanhar. Assim, conseguiremos atualizar os 21 mil processos que ainda estão represados”, afirmou. 

A presidente do Conselho Nacional de Educação (CNE), Maria Helena Guimarães de Castro, parabenizou o trabalho e a relevância das instituições privadas de ensino superior para a educação brasileira. Ela reforçou a parceria de constante diálogo com as entidades pertencentes ao Fórum das Entidades Representativas do Ensino Superior Particular na construção de políticas públicas na elaboração das políticas públicas de relevância. Ela, em tom positivo e otimista diante dos desafios do pós-pandemia, destacou a elaboração do parecer sobre as redes de cooperação “que possibilitam a ampliação do compartilhamento de projetos e de ideias que vão acelerar a qualidade e a equidade da educação superior”, comentou. 

Além dos representantes de todas as entidades que fazem parte do Fórum, também estavam presentes o secretário estadual de educação de Santa Catarina, Vitor Fungaro e o secretário municipal de educação de Florianópolis, Maurício Fernandes, representando o prefeito da cidade.

Programação
Coube ao secretário executivo do Fórum e diretor presidente da ABMES, Celso Niskier, apresentar a programação desta edição do congresso. “Começamos a trabalhar os temas dos quadrantes híbridos no ano passado, com o foco no empreendedorismo. Este ano, o tema é criatividade nos mais diversos aspectos e, no próximo CBESP, será a vez de falar de liderança”, anunciou, informando que o XV CBESP será sediado no Rio de Janeiro. 

Convida a se juntar a Niskier, Amábile Pacios, vice-presidente da Fenep, falou sobre os feitos do Fórum representando os demais integrantes da mesa de abertura. Ela comentou sobre conquistas importantes, como a preservação do ProUni na elaboração do Projeto de Emenda Constitucional Emergencial, no início da pandemia, em 2020, bem como da participação nas negociações da PEC 110 quando o setor educacional foi poupado do aumento do Imposto sobre Bens e Serviços (IBS). E, recentemente, a preservação das instituições de ensino das mudanças na Reforma Tributária. “Temos uma atuação constante nos bastidores, em Brasília, em prol da educação”, comentou.

Comissão científica
A comissão científica do CBESP, coordenada por Niskier, tem a coordenação de Iara de Xavier, Consultora especialista em educação superior e assessora da presidência da ABMES, e Débora Guerra, vice-presidente da ABMES. A dupla explicou as diretrizes da escolha do tema “Criatividade e inovação na construção da educação superior pós-pandemia”. “Esta edição do CBESP acontece em plena ruptura paradigmática da educação, que foi acelerada pela Covid-19. Esta realidade explicita a necessidade de resignificarmos juntos as diretrizes, as metodologias, os processos, enfim, todos os elementos constitutivos da educação superior visando a implementação da educação inovadora, criativa, empreendedora mediada pelas tecnologias digitais de informação e comunicação objetivando ampliar o diálogo com os alunos, professores, com o mundo do trabalho e a sociedade”, detalhou Iara. 

Criatividade e Inovação
A palestra magna de abertura foi realizada em formato de talk show híbrido com o CEO da N Ideias, empresário e publicitário, Nizan Guanaes, sob a coordenação de Niskier, e a moderação de Daniel Castanho, vice-presidente da ABMES. O bate-papo animado abordou uma nova perspectiva de ver a educação oferecida aos alunos por parte das instituições privadas de ensino superior. “É tempo de desaprender, de oferecer valor e aquilo que realmente os alunos querem”, explicou Guanaes. 

Cheio de exemplos e cases, a conversa abordou a importância da inovação das diversas maneiras, da apresentação da instituição à abordagem do aprendizado. “Vocês têm que ir além dos autossabotadores e encarar as mudanças. Buscar referências de outros setores e trazer a educação para a vida inteira, porque essa é a realidade agora”, recomendou o publicitário. Ele também parabenizou todos dos educadores presentes e sugeriu que superassem a guerra de preços. “O que vocês fazem é inestimável. Se deixarem a guerra de preços de lado, todos ganham”, concluiu. 

Sobre o XIV CBESP
Promovida pelo Fórum das Entidades Representativas do Ensino Superior Particular e pela Linha Direta, a 14ª edição do CBESP segue até sábado (07) no Costão do Santinho, Florianópolis (SC). O tema escolhido do retorno do congresso presencialmente foi “Criatividade e inovação na construção da educação superior pós-pandemia”. Além dos painéis temáticos, distribuídos ao longo da programação, serão realizados cinco workshops que abordarão na prática a criatividade e a inovação na educação superior, bem como modelos pedagógicos, quadrantes híbridos, curricularização da extensão e avaliação virtual in loco. Os temas são os mais pertinentes para a construção pós-pandemia. 

O CBESP reúne, a cada edição, reitores, mantenedores, autoridades, educadores e formuladores de políticas públicas para educação de todo o Brasil e propicia aos participantes troca das mais diversas experiências. Além de representantes de todas as nove entidades que compõe o Fórum: Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES); Associação Brasileira das Faculdades (Abrafi); Associação Nacional dos Centros Universitários (Anaceu); Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Ensino Superior (Semesp); Confederação Nacional dos Estabelecimentos de Ensino (Confenen); Federação Nacional das Escolas Particulares (Fenep); Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Ensino Superior do Estado do Rio de Janeiro (Semerj); Associação Baiana das Mantenedoras do Ensino Superior (ABAMES) e a Associação de Mantenedoras Particulares de Educação Superior de Santa Catarina (AMPESC).


Conteúdo Relacionado

Áudios

Áudio: Sucesso da avaliação virtual in loco

Data:19/05/2022

Descrição:

ESPECIAL CBESP | Os próximos seis episódios do podcast da ABMES foram gravados durante o XIV CBESP, principal congresso da educação superior brasileira. Confira o primeiro debate desta série especial: 

 

A pandemia da Covid-19 trouxe uma inovação importante para o universo educacional superior: as avaliações externas virtuais in loco nas instituições de ensino superior, que começaram em abril de 2021. O formato está sendo um sucesso! Porém, ainda pode ser melhorado. Neste episódio, falamos com o presidente do Inep sobre o tema. 

 

Participantes:

Celso Niskier – Diretor presidente da ABMES 

Danilo Dupas Ribeiro – Presidente do Inep 

Bruno Coimbra – Assessor Jurídico da ABMES

 

Ficha técnica

Produção: Camila Griguc 

Edição de som: Jonathan Alves

Apoio: Sabrina Moraes

Download

Vídeos

ESPECIAL CBESP | O sucesso da avaliação virtual in loco

A pandemia da Covid-19 trouxe uma inovação importante para o universo educacional superior: as avaliações externas virtuais in loco nas instituições de ensino superior, que começaram em abril de 2021. O formato está sendo um sucesso! Porém, ainda pode ser melhorado. Neste episódio, falamos com o presidente do Inep sobre o tema.

Participantes:
Celso Niskier – Diretor presidente da ABMES
Danilo Dupas Ribeiro – Presidente do Inep
Bruno Coimbra – Assessor Jurídico da ABMES 

Notícias

CBESP apresenta 10 propostas para o desenvolvimento do ensino superior brasileiro

O documento traz dez propostas para o desenvolvimento do ensino superior brasileiro.

CBESP: Experiências internacionais inspiram participantes no segundo dia

Cases de sucesso no exterior foram apresentados em uma manhã de grandes aprendizados disruptivos

CBESP: Experiências nacionais de criatividade e inovação marcam presença no segundo dia

Cases de sucesso no Brasil adotam metodologias disruptivas, valorizam a formação integral do aluno e atendem às demandas do mercado de trabalho

Ministro da Educação anuncia política de recuperação da aprendizagem

Sem detalhar o plano, Victor Godoy disse se tratar de um 'projeto bastante audacioso para preparar estudantes para ingressar no ensino superior'; MEC vem sendo criticado pela falta de apoio para garantir aprendizagem durante a pandemia

Em SC, ministro da Educação fala em combate à evasão escolar e tecnologia nas universidades

Victor Godoy participou da abertura do Congresso Brasileiro da Educação Superior Particular, que ocorre em Florianópolis

Ministro da Educação diz que lançará política nacional de recuperação de aprendizagens

Cinco meses após a volta às aulas em 2022, Victor Godoy Veiga afirma anuncio será feito nesta semana

Evento debate inovação e criatividade do ensino superior no pós-pandemia

Além dos painéis temáticos, distribuídos ao longo da programação, serão realizados cinco workshops para a prática das iniciativas

Abertura do CBESP terá sessão solene com ministro da Educação e bate-papo sobre criatividade e inovação com o publicitário Nizan Guanaes

Após as palestras, a noite será animada pelo cantor de rock Paulo Ricardo com o show “Voz, Violão e Rock’n’Roll” em que ele canta todos os seus grandes sucessos

Projeto Seres em Movimento realizará atendimentos durante o XIV CBESP

Os participantes poderão agendar horários exclusivos para falar sobre seus processos abertos no Ministério da Educação ou queiram esclarecer dúvidas sobre o sistema e-MEC

14ª edição do CBESP debaterá o impacto da inovação e da criatividade no setor educacional

Nos dias 5, 6 e 7 de maio, educadores de todo o país estarão reunidos presencialmente em Florianópolis/SC

XIV CBESP: inscrições abertas!

14ª edição do principal evento da educação superior brasileira será realizada no Costão do Santinho Resort, em Florianópolis/SC

Editora

Revista Estudos nº 45

Criada em 1982, a Revista Estudos, de conteúdo temático, tem como objetivo reunir trabalhos sobre grandes temas educacionais, elaborados por profissionais reconhecidos nacionalmente, como subsídio ao aprofundamento de debates e de reflexões das instituições de ensino superior. A edição de nº 45 aborda a criatividade e inovação na construção da educação superior pós-pandemia.