Detalhe

Pesquisa aponta que 51% ainda não se inscreveu no vestibular da instituição que deseja estudar

24/11/2020 | Por: G1 | 1226
Divulgação Pesquisa avalia procura por graduações nos próximos 18 meses

Uma pesquisa divulgada nesta terça-feira (24/11) pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (Abmes), feita pela Educa Insights, aponta que 51% dos entrevistados ainda não se inscreveram no processo seletivo da instituição na qual deseja estudar.

Por outro lado, em novembro aumentou a intenção de começar uma graduação, se comparado a meses anteriores da pandemia. A pesquisa indica que 38% quer começar a graduação imediatamente, no próximo semestre. Em julho, eram 14%,

"Ainda há uma inércia deste público, bastante clara, que tende a virar nos meses que são os principais de captação [de matrícula], que são janeiro e fevereiro. Embora tenha aumento na intenção [de fazer graduação], ainda há um efeito da pandemia aí", afirma Daniel Infante, diretor da Educa Insights, ao comentar os dados.

A pesquisa foi feita entre 13 e 15 de novembro, com 1.102 pessoas de 17 a 50 anos que desejam ingressar em cursos presenciais e a distância ao longo dos próximos 18 meses.

Os dados também mostram que:

  • 51% se diz confortável para fazer a prova presencial, caso as instituições sigam as recomendações de segurança dos órgãos reguladores;
  • 18% ainda não sabem dizer se estão seguros para fazerem provas presenciais;
  • 75% farão o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) neste ano de olho em descontos e bolsas de estudo em instituições privadas.

Em relação às áreas mais procuradas, a pesquisa aponta aumento na busca por cursos na área de saúde.

De acordo com a Abmes, entre os 15 cursos mais procurados, destacam-se as graduações em enfermagem, psicologia, educação física, biomedicina, nutrição e fisioterapia. Estes 15 cursos mais procurados representam mais de 73% das intenções de matrícula no ensino superior privado.

Enem é 'coringa' no acesso ao ensino superior
A nota do Enem pode ser considerada um "coringa" para estudantes que querem uma vaga no ensino superior. Ela serve como vestibular para universidades públicas e privadas, além de permitir a disputa por bolsas de estudos e financiamentos de mensalidades.

Na pesquisa da Abmes e da Educa Insight, os dados apontam que:

  • 75% farão o Enem para, com a nota do desempenho, conseguir o melhor desconto na mensalidade ou bolsas de estudo possíveis;
  • 16% buscará melhores acessos ao financiamento do curso com a nota do Enem
  • 9% fará Enem de olho em uma bolsa do Programa Universidade para Todos (Prouni), do Ministério da Educação (MEC).

O Enem 2020 será aplicado nos dias 17 e 24 de janeiro (prova impressa) e 31 de janeiro e 7 de fevereiro (prova digital). A data original, em novembro, foi adiada devido à pandemia do coronavírus.

Com a pandemia do coronavírus, diversos vestibulares do fim deste ano tiveram que se adaptar, e muitas universidades optaram por adiar as provas.

Assim, a maratona de exames, prevista para começar em novembro, foi adiada para o início de 2021. Outras instituições optaram por fazer provas on-line, com sistema anti-cola. 


Conteúdo Relacionado

Vídeos

Aumenta procura por curso de graduação na área de saúde

Sólon Caldas, diretor executivo da ABMES, fala sobre o destaque que os profissionais de saúde tiveram durante o enfrentamento à pandemia e o crescimento na busca por esses cursos.

 

Coronavírus e educação superior: 5ª fase do estudo sobre o que pensam os alunos

Confira a íntegra do seminário "Coronavírus e educação superior: 5ª fase do estudo sobre o que pensam os alunos". O evento foi realizado na terça-feira (17/11), pelo YouTube da ABMES

 

Seminário Virtual ABMES | Coronavírus e educação superior: 4ª onda do estudo

Confira a íntegra do seminário virtual da ABMES "Coronavírus e educação superior: 4ª fase do estudo sobre o que pensam os alunos". Coordenação: Celso Niskier, diretor presidente da ABMES Participação: Daniel Infante, sócio-fundador Educa Insights Sólon Caldas, diretor executivo da ABMES

Seminário Virtual ABMES | Coronavírus e educação superior: 3ª onda do estudo

Confira a íntegra do seminário virtual da ABMES "Coronavírus e educação superior: 3ª fase do estudo sobre o que pensam os alunos". Coordenação: Celso Niskier, diretor presidente da ABMES Participação: Daniel Infante, sócio-fundador Educa Insights Sólon Caldas, diretor executivo da ABMES 

Seminário Virtual ABMES | Coronavírus e educação superior: 2ª onda do estudo

Confira a íntegra do Seminário Virtual ABMES, realizado no dia 5 de maio de 2020, que apresentou a segunda onda do do estudo sobre o impacto do novo coronavírus na educação superior, feito pela empresa de pesquisas educacionais Educa Insights. Coordenado por Celso Niskier, diretor presidente da ABMES, o evento contou com a participação de Daniel Infante, sócio-fundador Educa Insights, e Sólon Caldas, diretor executivo da ABMES

Seminário Virtual ABMES | Coronavírus e educação superior

Confira a íntegra do Seminário Virtual ABMES, realizado no dia 2 de abril de 2020, que apresentou dados do estudo sobre o impacto do novo coronavírus na educação superior, feito pela empresa de pesquisas educacionais Educa Insights. Coordenado por Celso Niskier, diretor presidente da ABMES, o evento contou com a participação de Daniel Infante, sócio-fundador Educa Insights, e Sólon Caldas, diretor executivo da ABMES

Impactos do Coronavírus na rotina das instituições de educação superior

Diante do avanço global do novo Coronavírus (COVID-19), a Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES) esclarece alguns pontos importantes a respeito dos impactos do novo vírus na rotina das instituições de educação superior

Notícias

Melhora a percepção dos jovens que pretendem começar uma faculdade em 2021

De acordo com levantamento divulgado pela ABMES, a parcela que quer iniciar um curso já no começo do ano subiu de 14% para 38%. Existe, porém, a preocupação com uma possível segunda onda de contaminações pelo coronavírus

51% dos estudantes não se inscreveram para o vestibular

Pesquisa foi feita com 1.102 pessoas, de 17 a 50 anos, que desejam começar a estudar ao longo dos próximos 18 meses

"Ideia de ensino presencial clássico tende a desaparecer", diz pesquisador

Estudo da ABMES e Educa Insights mostra que pandemia exigiu adaptação de instituições de ensino superior para continuidade de atividades

Pesquisa: 51% dos estudantes não se inscreveram para o vestibular

Esta quinta onda da pesquisa, que avalia os impactos da pandemia de coronavírus no setor, também aponta que 38% dos estudantes pretende começar a estudar em 2021

Ensino Superior dá sinais de recuperação e atrai estudantes da área de saúde

Estudo mostra aumento da demanda reprimida por vaga na graduação, em relação ao início da pandemia

Pandemia provoca aumento do interesse de alunos por graduações na área de Saúde

Pesquisa da ABMES e Educa Insights indica preferência de 36% dos entrevistados por cursos de enfermagem e psicologia, por exemplo, e indica demanda reprimida de estudantes

Pandemia cria demanda reprimida para educação superior em 2021

Estudo com mais de 1.000 pessoas mostra que brasileiros que estavam adiando os estudos pretendem retomar planos nos próximos meses

Educação é atividade essencial

Correio Braziliense: Em artigo, Celso Niskier, diretor presidente da ABMES, avalia que o setor educacional é tão importante quanto outras atividades econômicas